O lançador Kilinok, tanto pode ser constituido por 4 como por seis e até 8 células (tambores) que contêm cada um deles oito mísseis.

Cada sistema tem por isso capacidade máxima para 16x8 (128 misseis), no entanto o sistema com o maior numero de células até ao momento instalado é de seis, embora se tenha recorrido a um total de quatro sistemas, como é o caso do porta-aviões Admiral Kuznetsov, com um total de 4x6x8 mísseis (192 mísseis no total).

Os lançadores são colocados numa posição vertical e o seu lançamento pode ser efetuado com um intervalo de apenas três segundos entre cada disparo.

Nenhum comentário